Bem Estar Homem perde 163 kg em dois anos, sem fazer cirurgia, e luta contra o excesso de pele

Homem perde 163 kg em dois anos, sem fazer cirurgia, e luta contra o excesso de pele

Cole Prochaska, de 38 anos, pede ajuda para fazer um procedimento que custa cerca de R$ 480 mil

  • Bem Estar | Do R7

 Cole Prochaska antes e depois de emagrecer

Cole Prochaska antes e depois de emagrecer

Reprodução/Instagram

Um homem virou um verdadeiro exemplo de força de vontade ao perder 163 quilos em dois anos, sem apelar para remédios nem cirurgia. Cole Prochaska, de 38 anos, que reside na cidade de Saint Matthews, na Carolina do Sul (EUA), chegou a pesar 265 kg e agora luta contra o excesso de pele que ficou após ter emagrecido tanto. Ele usa as redes sociais para mostrar as mudanças em seu corpo e motivar outras pessoas que também queiram mudar de vida.

"Eu pesava o equivalente a três homens, e agora sou uma pessoa só. É muito difícil compartilhar uma foto sem camisa, mas cheguei tão longe! Eu sei que é difícil para alguns de vocês olharem. As pessoas não acreditavam em mim, mas eu acreditava em mim mesmo. Eu nunca usei anabolizantes nem fiz cirurgia. Essa é minha determinação de recuperar minha vida e viver como os outros. Você pode fazer qualquer coisa que puser na mente. Espero que minha história possa ser uma inspiração para outras pessoas presas nesse mesmo tipo de situação", conta ele em suas redes.

Cole está fazendo uma vaquinha online para arrecadar dinheiro para passar por pelo menos três cirurgias para retirar o excesso de pele, que custarão um total 100 mil dólares (cerca de R$ 480 mil, na cotação atual). Até a publicação desta nota, ele já havia conseguido 47 mil dólares (cerca de R$ 224 mil).

"Minha meta de peso foi alcançada, mas minha vida não está completa e não estará até que eu possa me livrar desse excesso de pele. Tenho que enfiar a pele extra na calça e ainda usar roupas largas para esconder a flacidez. Sou pesado desde os 6 anos e, aos 38, nunca andei na praia sem camisa e sempre evitei festas na piscina. Eu ainda estou preso", declara.

 Compartilhe esta notícia no WhatsApp
 Compartilhe esta notícia no Telegram

Em entrevista ao Today USA, Cole contou que o pontapé inicial para a sua transformação foi o rompimento de um relacionamento de sete anos. "Sabia que ela havia perdido o respeito por mim porque eu era apenas uma pessoa muito grande e não fazia nada, não estava indo a lugar nenhum na vida. Eu estava tentando salvar o relacionamento. Não salvei, mas salvei a mim mesmo", disse.

Ele passou a caminhar por alguns quarteirões e aumentava a distância a cada dia. O americano também decidiu se alimentar de maneira saudável e cortou todos os doces, salgadinhos e bebidas açucaradas. Depois, matriculou-se em uma academia. 

VEJA TAMBÉM: De batata-doce estragada a 30 ovos por dia: os polêmicos hábitos de Gracyanne Barbosa na vida fitness

Últimas